Os advogados de Flávio Bolsonaro, Rodrigo Roca e Luciana Pires, conseguiram na última sexta-feira (04), uma tutela provisória que proíbe a Rede Globo de exibir qualquer tipo de documento ou peça do processo referente à investigação sobre o esquema de “rachadinhas”. A decisão é da juíza Cristina Serra Feijó.

O senador Flávio Bolsonaro vem sendo investigado na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj). A investigação corre em sigilo.

Leia também: Filho de Bolsonaro expõe Luciano Huck e detona o que ele fez fora da Globo; veja aqui

Advertisement

Leia também: Governo Bolsonaro vai atrás de atores da Globo e pode tirar milhões deles; veja aqui

“Acabo de ganhar liminar impedindo a #globolixo de publicar qualquer documento do meu procedimento sigiloso. Não nada a esconder e expliquei tudo nos autos, mas as narrativas que parte da imprensa inventa para desgastar minha imagem e a do Presidente @jairbolsonaro são criminosas”, escreveu o senador em suas redes sociais.

Advertisement