Uma recente pesquisa da universidade britânica Kings College, revelou que pelo menos 30% dos homens não estão nem um pouco satisfeitos com o próprio órgão sexual. O número é grande e apesar do resultado ser referente ao Reino Unido, pode refletir a realidade brasileira.




Resultado de um estudo feito com 200 homens dos mais variados tipos e idades, a pesquisa mostra que a principal queixa é em relação ao tamanho do órgão. A maior parte dos entrevistados considera que tem um órgão pequeno.

A questão é que mesmo os homens com um instrumento considerado maior que a média, sentem vergonha do tamanho que tem.

Mais sério do que parece, o problema tem nome e é psicológico. Chamado de “Síndrome Dismófica”, faz com que os homens imaginem que todos os outros tem um órgão maior do que o seu (o que não é, necessariamente, verdade).




“A maioria dos homens acha que o tamanho é menor do que realmente é”, disse o cirurgião plástico Dr. David Alessi em entrevista ao Daily Star. Segundo o médico, o mais aconselhável seria que esses homens procurassem “um psiquiatra e não um cirurgião”.