Imagem: Reprodução Rede Reecrod

Na noite de ontem enquanto aguardava a entrada do apresentador Marcos Mion para dar inicio a prova do fazendeiro, a ‘peoa’ Sabrina Paiva ex-miss São Paulo foi surpreendida por um ataque racista vindo da produção do programa.




Em nota a Rede Record informou que o ataque foi feito por um operador de câmera e que o mesmo já foi demitido. A família da ‘peoa’ por sua vez declarou que estuda tomar medidas legais.




“A Record TV informa que ontem (5) durante o reality A Fazenda, ao vivo, um operador de câmera, posicionado atrás de um dos espelhos da sala, fez um comentário racista a respeito da participante Sabrina Paiva.

Imediatamente ao fim do programa, a produtora Teleimage (que presta serviços à Record TV e é a contratante do operador de câmera), identificou o ofensor. Ele foi repreendido e teve seu contrato de trabalho rompido sumariamente.




A Record TV repudia veementemente esta atitude e qualquer tipo de preconceito. Como se trata de ofensa racial, será informado à participante Sabrina Paiva que a ela será dado o direito de fazer a representação legal ao ofensor, se assim quiser e no momento que desejar.

A Record TV e a produtora Teleimage lamentam o fato e não admitem que algo dessa natureza aconteça em suas produções.”