Uma das jornalistas mais conhecidas da TV Globo, Carla Vilhena trabalhou por décadas na emissora, até que um dia ficou sabendo que seu contrato chegaria ao fim.



Leia também: Fátima Bernardes revela ‘pequenos detalhes’ que comparam Bonner e Túlio; veja aqui

Segundo o site Notícias da TV, ela pediu à direção do canal para que anunciassem juntos que quem queria sair era ela, o que se tornaria uma forma digna de sair após tantos anos.

A Globo só não contava que após sair, Carla acabaria contando vários ‘segredos’ dos bastidores.

Ao Uol, por exemplo, ela disse que seus chefes exigiram que ela cortasse o cabelo e que alterasse sua aparência física:





Leia também: Após ser humilhada por cantora internacional, Pabllo Vittar choca ao aparecer de calcinha; veja a foto aqui

“Me pediam que eu cortasse, mas eu gosto de cabelão. De vez em quando eu ficava enganando, fingindo que o cabelo estava cortado, colocando para trás. Eu era um pouco rebelde”.

Carla também se disse esnobada pela Globo, já que nunca recebeu a oportunidade de migrar para o entretenimento, como Fátima Bernardes e Patrícia Poeta:

“Poderiam considerar pessoas para fazerem coisas diferentes. Não sou a única. Algumas pessoas que poderiam ser melhor aproveitadas tiveram que sair para acharem os seus espaços em outros lugares”.



Leia também: Fátima Bernardes usa maior decote da sua vida e impressiona com o tamanho avantajado e ainda tem salário revelado; veja aqui

Agora, em entrevista à Jovem Pan, ela detalhou mais humilhações que passou enquanto trabalhava para a emissora dos Marinho.

Segundo ela, horários de trabalho durante a madrugada eram imposto a ela, que já chegou a dormir dentro da emissora para não se atrasar:

“Já dormi na garagem da Globo com medo de perder o horário. Isso é bem apavorante”, contou, deixando os entrevistadores em choque.

Após Noronha, lista de ‘maconheiros da Globo’ faz sucesso na web; veja os nomes abaixo


Depois de uma polêmica gigante envolvendo os contratados da Globo que supostamente participariam de uma rede de surubas, uma outra lista começa a causar.



Leia também: Fátima Bernardes pergunta sobre Deus para Pabllo Vittar e resposta choca a web; veja aqui

Trata-se de nomes de contratados e ex-contratados do canal carioca que admitiram publicamente que são ou foram usuários de maconha.

Ao longo do tempo, vários até anunciaram que deixariam ou deixaram de usar a erva, mas também disseram que o uso é comum entre atores, em geral.

Veja alguns nomes de atores da Globo que usam maconha, abaixo:



Dado Dolabella

O ator acabou admitindo que usava maconha em 2009, quando participou de um programa da Record, o Hoje em Dia. Na ocasião o ator disse que foi usuário durante um bom tempo.



Betty Faria

“É uma mentira dizer que mexe com a memória, porque eu já fumei muita maconha e nunca tive problema de memória. E minhas colegas que tomam remédio pra dormir, na hora de gravar não sabem o texto”, contou a atriz em entrevista à Pedro Bial, na própria Globo.

Marcello Antony

O ator acabou sendo flagrado comprando maconha em 2004, quando foi fotografado na frente de um hotel no Rio de Janeiro.

Só cinco anos depois ele deu declarações públicas sobre o fato e declarou que na época do flagrante, estava no fundo do poço.



Caco Ciocler

O ator admitiu que usava maconha ainda em 2006 quando disse que usava em grandes quantidades e que ela o ajudava a expandir sua mente.

Caco ainda disse que atualmente o Brasil segue o caminho para a “descriminalização”.

Cléo Pires

Além de ter admitido que usa maconha para fins recreativos, ela ainda já chegou a postar fotos enquanto fumava.




Luana Piovani

A também ex-atriz da Globo já admitiu que usava maconha quando mais nova. Na ocasião ela ainda disse que foi chantageada pela polícia e que pagou R$ 10 mil para que os policiais escondessem a situação.

Glória Maria

Ícone da TV brasileira, a apresentadora acabou provando maconha durante uma viagem à Jamaica. Tudo acabou virando um dos maiores memes da web.

Luciano Huck humilha na Globo e revelações são feitas: ‘levar mijada calado’; veja

A emissora mais famosa e poderosa do país é também um dos maiores palcos de polêmicas. Nomes como Luciano Huck vivem se metendo em confusões.



A mais recente aconteceu há algumas semanas quando revelações foram feitas na internet por um suposto ex-funcionário de canal, que trabalhava na produção do Caldeirão.

Identificado apenas como LP, no Twitter, ele deu detalhes das coisas que acontecem dentro do canal, como o famoso teste do sofá.

Pra quem não está habituado com o termo, significa conseguir um papel de destaque no teatro, cinema ou televisão depois de ficar com diretores ou produtores.



Leia também: Mulher de Bolsonaro compra lingeries e deixa as vendedoras chocadas; veja o porquê aqui

“Tem alguns (não muitos, mas tem) atores que conseguiram papel em novela por terem dormido com alguém. Teste do sofá não é mito, é a pura realidade. Tem um ator que conseguiu papel em Fina Estampa assim”, contou LP.

Já sobre o marido de Angélica, Luciano Huck, ele declarou que precisa se acostumar com certas situações e que já levou bronca dele:

“Algo que você tem que se acostumar é levar mijada de alguém e ficar calado… Já peguei uma bronca do Luciano Huck pq o energético do bonito não chegou a tempo”, contou.



Leia também: Faustão detona a Globo ao vivo e revela porque não é demitido de lá; veja aqui

Agora, se você pensa que as confusões param por ai, enganou-se. Grazi Massafera, por exemplo, já revelou que passou por uma situação estranha dentro da emissora.

Segundo ela, macumbas são reais na Globo e ela própria já foi uma vítima dos trabalhos de magia negra: “teve macumba mesmo, encontrei no meu carro”.

Já na semana passada uma grande polêmica atingiu o canal quando um apresentador decidiu pedir demissão ao vivo, durante o Globo Esporte.




Leia também: Salário de Bruna Marquezine em 2019 na Globo é revelado e choca; veja quanto

Kaio Cézar se despediu da versão cearense do programa reclamando da falta de respeito com que era tratado por lá:

“Bom, pessoal, Globo Esporte ficando por aqui. Quero dizer que eu também fico. Porque neste momento estou pedindo demissão do Sistema Verdes Mares. Não abro mão do respeito, nem da dignidade para estar em lugar nenhum”.


Sidney Magal anuncia festival em Belo Horizonte com 12 horas de open bar durante o Carnaval da capital; veja aqui

loading…